Home Mauá Polícia Federal indicia Atila Jacomussi, João Gaspar e 22 dos 23 vereadores da cidade

Polícia Federal indicia Atila Jacomussi, João Gaspar e 22 dos 23 vereadores da cidade

1,665

A Polícia Federal (PF) indiciou, ontem (7), pelos crimes de corrupção passiva e de formação de organização criminosa o prefeito afastado de Mauá Atila Jacomussi (PSB), seu então secretário de Governo e de Transportes João Eduardo Gaspar (PCdoB) e 22 dos 23 vereadores da cidade. O único vereador que não está envolvido em corrupção é Marcelo Oliveira, do PT.

Atila Jacomussi foi preso pela segunda vez pela PF em 13 de dezembro do ano passado durante a operação Trato Feito, que investigava suposto mensalão de R$ 500 mil pagos por nove empresas fornecedoras de sua administração. Essa ação é desdobramento da Prato Feito, na qual o prefeito foi detido pela primeira vez em 9 de maio de 2018. Os 22 vereadores são suspeitos de terem recebido propina em troca de apoio político. O esquema teria continuado mesmo após a primeira prisão de Atila em maio do ano passado.

O prefeito afastado e seu secretário foram transferidos da Superintendência da PF, em São Paulo, para a Penitenciária de Tremembé, no interior do Estado. Por conta disso, a cidade de Mauá enfrente uma crise política sem precedentes. Ao assumir o comando do Executivo pela segunda vez, a vice-prefeita Alaíde Damo (MDB) anuncio a demissão em massa de secretários e comissionados da gestão anterior.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Mauá

Deixe uma resposta

Verifique também

Projeto Meninos e Meninas de Rua promove dia de lazer neste sábado (19) em SBC

No ritmo de férias, o Projeto Meninos e Meninas de Rua (PMMR), de São Bernardo do Campo, p…