Home Santo André Prefeito Orlando Morando aumenta a partir de hoje (1º) passagem de ônibus para R$ 4,75

Prefeito Orlando Morando aumenta a partir de hoje (1º) passagem de ônibus para R$ 4,75

2,134

Os moradores de São Bernardo do Campo estão sendo presenteados, a partir de hoje (1º), com um novo aumento do valor da passagem de ônibus. O prefeito Orlando Morando (PSDB) publicou, em 29 de dezembro, decreto reajustando de R$ 4,40 para R$ 4,75 a passagem do transporte municipal. Esse aumento de 7,96% também foi aplicado em Santo André pelo prefeito Paulo Serra (PSDB), índice que dificilmente uma categoria profissional conseguiu ter na correção de seus salários, por exemplo.

Quando Luiz Marinho (PT) deixou a Prefeitura de São Bernardo, em 31 de dezembro de 2016, a passagem de ônibus estava custando R$ 3,80. Hoje, 1º de janeiro de 2019, início do terceiro ano da gestão de Orlando Morando, a tarifa está em R$ 4,75, ou seja, nesse período, o aumento aplicado foi de 25% ante uma inflação aproximada de 7%, já que o índice de 2018 ainda não está fechado.

Para se ter uma ideia de como o valor da passagem de ônibus está caro em São Bernardo e Santo André, basta compará-lo com o da cidade de São Paulo. Em uma das maiores metrópoles do mundo, com 12,2 milhões de habitantes (20% da população brasileira), andar de ônibus vai custar, a partir de 7 de janeiro, R$ 4,30. Hoje, a tarifa é de R$ 4.

Após o aumento encabeçado por São Bernardo do Campo e Santo André, as demais cidades do ABC devem seguir os prefeitos tucanos e aplicarem a mesma correção ao transporte municipal.

Em Santo André, o presidente do PT, José Paulo da Silva Nogueira, convocou a população a protestar contra o que classifica como aumento abusivo da tarifa. “A população precisa reagir como fez no caso do IPTU deste ano, em que o prefeito aplicou um aumento abusivo e os moradores não aceitaram. Vamos nos mobilizar e ir para cima, obrigar o prefeito Paulo Serra a voltar atrás em mais uma aberração cometida em seu governo”, afirmou. “Santo André tem a passagem mais cara do Brasil. Em contrapartida, presta um serviço precário, com muita demora para passar ônibus, pontos de parada em péssimas condições e uma frota velha e sucateada.”

Uma das alternativas para barrar esse novo aumento seria o Ministério Público (MP) investigar as planilhas apresentadas pelas empresas de ônibus e verificar como as duas prefeituras chegaram a esse índice de correção.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Santo André

Um comentário

  1. […] Durante o vídeo, outros moradores também manifestam suas reclamações com as condições do transporte público municipal e o preço da nova passagem de ônibus, reajustada em 1º de janeiro pelo prefeito Orlando Morando. […]

Deixe uma resposta

Verifique também

Projeto Meninos e Meninas de Rua promove dia de lazer neste sábado (19) em SBC

No ritmo de férias, o Projeto Meninos e Meninas de Rua (PMMR), de São Bernardo do Campo, p…