Início Categorias Cidades Às vésperas do julgamento no STF, Senado aprova diligência na PF para ver condições de Lula

Às vésperas do julgamento no STF, Senado aprova diligência na PF para ver condições de Lula

0
0
1,165

Na semana em que o Supremo Tribunal Federal (STF) marcou o julgamento do novo pedido de liberdade do ex-presidente Lula , a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) do Senado aprovou uma nova diligência na sede da Superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba, para verificar as condições do ex-presidente Lula, mantido preso político desde abril.

O novo pedido de habeas corpus, que deve ser julgado na próxima terça-feira (4), foi apresentado pela defesa do ex-presidente depois que Moro aceitou o convite para ser ministro da Justiça do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL). A defesa de Lula apontou parcialidade de Moro na condenação do ex-presidente dentro no âmbito da Operação Lava Jato e na condução de outros processos. Para diversos órgãos internacionais de imprensa, Moro foi recompensado. Condenou Lula para impedi-lo de se candidatar e ser eleito presidente, como indicavam todas as pesquisas de intenção de votos, sem provas para eleger Bolsonaro.

Quanto à nova diligência, requerida pelo senador Paulo Rocha (PT-PA), aprovada esta semana, tem como objetivo checar as condições físicas e psicológicas do ex-presidente. Poderão participar da visita os membros da CDH que manifestarem interesse. A diligência anterior, feita pela comissão em abril, reuniu 11 senadores em Curitiba. Na ocasião, eles relataram que as instalações eram adequadas, mas lamentaram o isolamento do ex-presidente.

Lula foi condenado após um processo fraudulento conduzido pelo ex-juiz Sérgio Moro no caso do tríplex do Guarujá, sem comprovação de crime e sem que qualquer prova de ato ilícito fosse apresentada. Mesmo assim, os desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) não só confirmaram a condenação como ampliaram a sentença de nove anos e meio para 12 anos e meio.

Reconhecimento internacional

Perseguido no Brasil, Lula é reconhecido em todo o mundo pelo combate à miséria e a fome no Brasil, pelas políticas inclusivas, de distribuição de renda e justiça social.
O ganhador do Prêmio Nobel da Paz em 1980, Adolfo Perez Esquivel, está, inclusive, liderando uma campanha internacional para que Lula seja contemplado com o prêmio em 2019.

Crédito da foto: Ricado Stuckert

Carregar artigos semelhantes
Carregar mais em Cidades

Deixe uma resposta

Veja também

Força tarefa de Santo André quer zerar fila de espera por consultas oftalmológicas de crianças

Em parceria com a Faculdade de Medicina do ABC, a Secretaria de Saúde de Santo André inici…