Início São Bernardo do Campo Prefeito Orlando Morando notifica despejo de moradores da Vila dos Cafezais

Prefeito Orlando Morando notifica despejo de moradores da Vila dos Cafezais

0
6
19,352

Notificações de despejo envidas pelo governo do prefeito Orlando Morando (PSDB) estão causando revolta, indignação e pânico em moradores e comerciantes do Bairro Cafezal, na região do Montanhão, em São Bernardo. O documento ao qual o ABCD Maior teve acesso, em papel timbrado da Prefeitura de São Bernardo e da Secretaria de Habitação (Sehab), mostra notificação destinada a um morador da Viela 8, Passagem dos Cafezais, datada de 1º de novembro, solicitando que o proprietário apresente documentação do imóvel à Secretária de Habitação.

 

O Cafezal, localizado próximo ao Parque Selecta, no Montanhão, é um bairro consolidado com ruas, eletricidade, água, casas de alvenaria e comércio dos mais variados tipos. Segundo moradores, o bairro foi constituído há mais de três décadas.

A geografia do local tornou as vias íngremes e as moradias foram construídas de acordo com as características de cada área. Para atender a população do local, uma Unidade Básica de Saúde (UBS) foi construída e entregue pelo então prefeito Luiz Marinho (PT). A obra foi escolhida pelos moradores durante o Orçamento Participativo (OP) e executada pela Prefeitura. O bairro também é assistido por Agentes Comunitários de Saúde (ACSs).

Confira a carta pública que os moradores do bairro estão divulgando nas redes sociais denunciando o caso da administração do prefeito Orlando Morando.

Carta dos Moradores da Vila dos Cafezais-Montanhão ao prefeito e à população de São Bernardo do Campo:

Nós, moradores da Vila dos Cafezais-Montanhão, trabalhadores e trabalhadoras, que vivemos aqui com nossas famílias, fomos surpreendidos com uma notificação de despejo, feita pela Secretaria de Habitação da Prefeitura de São Bernardo, a diversos moradores do bairro. 

Vivemos aqui, muitas vezes em condições precárias por não ter alternativa, visto que o preço dos imóveis em São Bernardo seja para comprar ou para alugar está em um valor muito acima das condições da maioria do povo da cidade. Como já informamos nos diversos cadastros feitos por diversas entidades públicas como a Sabesp e a própria Prefeitura, estamos aguardando uma proposta da administração municipal em relação a uma possibilidade de moradia em outro local, por isso, ficamos muito surpresos com essa ordem de despejo. 

Estamos dispostos ao diálogo, mas por enquanto é aqui que está a nossa casa, nossas crianças e os bens que conquistamos com nosso trabalho, e não temos outro lugar para ir. Por essa razão, apelamos ao prefeito Orlando Morando que não nos coloque no olho da rua. Pedimos também que o poder Legislativo e Judiciário municipal intervenham na questão. Pedimos ainda a solidariedade de toda a população de São Bernardo para nos ajudar a evitar essa grande tragédia.

Vila dos Cafezais-Montanhão, São Bernardo do Campo, 01 de Novembro de 2018

 

Carregar artigos semelhantes
Carregar mais em São Bernardo do Campo

Deixe uma resposta

Veja também

Padrão Bolsonaro de comunicação desorienta a mídia tradicional

O jornal O Estado de S.Paulo demite uma cronista por ter criticado as propostas do então c…