Início Mauá Com liminar de Gilmar Mendes, Atila Jacomussi reassume cargo de prefeito de Mauá

Com liminar de Gilmar Mendes, Atila Jacomussi reassume cargo de prefeito de Mauá

0
0
1,552

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes concedeu liminar na terça-feira (11) determinando que o prefeito afastado de Mauá Atila Jacomussi (PSB) volte a assumir o comando do Executivo municipal. Ao retomar seu posto à frente da Prefeitura, na tarde de quarta-feira (12), Jacomussi apareceu na janela de seu gabinete com a bandeira da cidade.

Preso em maio durante a Operação Prato Feito da Polícia Federal, Atila Jacomussi é acusado de lavagem de dinheiro e participação em esquema de desvio de verbas da União destinadas à Educação em contratos para o fornecimento de merenda escolar. Ele foi solto em junho também por decisão de Gilmar Mendes. No entanto, o Tribunal Regional Federal (TRF3) determinou que fosse afastado do cargo.

“Defiro o pedido liminar para suspender o afastamento da sua função de prefeito e a proibição de adentrar nas dependências da Prefeitura Municipal de Mauá/SP em desfavor do paciente Atila César Monteiro Jacomussi pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região”, diz a decisão de Gilmar.

Na época de sua prisão, foram encontrados na casa de Jacomussi R$ 87 mil em espécie e na residência de um secretário municipal de seu governo, R$ 588 mil.

 

Carregar artigos semelhantes
Carregar mais em Mauá

Deixe uma resposta

Veja também

Esquece CPMF. Proposta econômica de Bolsonaro é muito pior (para os pobres)

Nesta semana, todas as atenções se voltaram para a declaração de Paulo Guedes, guru financ…