Home São Bernardo do Campo Justiça do Trabalho manda Universidade Metodista readmitir professores imediatamente

Justiça do Trabalho manda Universidade Metodista readmitir professores imediatamente

2,464

Em decisão publicada na sexta-feira (9), a juíza do Trabalho Valéria Pedroso de Moraes determinou a imediata readmissão dos 54 professores demitidos da Universidade Metodista de São Paulo (Umesp) e do Colégio Metodista em 2017. Em sua sentença, a magistrada citou a Declaração Universal dos Direitos Humanos, que garante o trabalho digno, e o dispositivo da Reforma Trabalhista que assegura a negociação das partes – neste caso, sindicato e empregador – para resolução de conflitos.

A sentença, proferida pela 8ª Vara do Trabalho de São Bernardo, atendeu a ação civil pública movida pelo Sinpro ABC (Sindicato dos Professores de Santo André, São Bernardo e São Caetano) contra as demissões realizadas no fim de 2017 pelas duas instituições de ensino.

Ainda de acordo com a decisão da juíza Valéria Pedroso de Moraes, a Metodista terá de pagar os salários vencidos e vincendos desde a injusta dispensa até a efetiva reintegração, com reflexos em férias acrescidas do terço constitucional, 13º salários e FGTS. A ordem de reintegração deverá ser cumprida independentemente do trânsito em julgado.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em São Bernardo do Campo
Comentários estão bloqueados.

Verifique também

Posse de armas: histórias de quem quase matou ou quase morreu

“Historinhas de armas” tomaram conta das redes sociais desde que o presidente Jair Bolsona…