Início São Bernardo do Campo Prefeito Orlando Morando sofre derrota na Justiça

Prefeito Orlando Morando sofre derrota na Justiça

Comentários desativados em Prefeito Orlando Morando sofre derrota na Justiça
0
3,287

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) determinou, por unanimidade (3 votos a 0), que a Prefeitura de São Bernardo volte a operar com a empresa Octágono o pátio de recolhimento de veículos infratores. Além da derrota na Justiça, o prefeito Orlando Morando (PSDB) vai ter de justificar porque razão suspendeu o contrato com a Octágono e gastou R$ 3,3 milhões com a contratação da Trans Braçal, sem licitação, por seis meses.

A decisão do TJ-SP determina que a Octágono retome a concessão dos serviços de recolhimento e guarda de veículos no pátio de São Bernardo imediatamente.

Dois pontos chamam a atenção neste contrato emergencial: primeiro, a Trans Braçal vai receber da Prefeitura independentemente de recolher veículos apreendidos; e segundo, pelo cálculo realizado, será pago um valor mais caro pelo serviço, o que vai gerar um prejuízo mensal de R$ 450 mil para a Prefeitura. Uma pergunta fica no ar: esse é o motivo do sumiço das blitzes na cidade?

A briga entre a Prefeitura de São Bernardo e a empresa Octágono começou em março deste ano. Contratada na gestão Dib e renovada pelo governo Luiz Marinho, por 10 anos, a Octágono administrava os pátios da cidade, mas o atual prefeito Orlando Morando decidiu encerrar o contrato alegando irregularidades. Por conta do imbróglio, a Prefeitura contratou, emergencialmente, em julho deste ano, outra empresa para cuidar do pátio.

Carregar artigos semelhantes
Carregar mais em São Bernardo do Campo
Fechado para comentários

Veja também

Humanização era o diferencial de profissionais do programa Mais Médicos

A saída dos profissionais cubanos do programa Mais Médicos, anunciada na semana passada, n…