Início São Bernardo do Campo Mais Agentes Comunitários de Saúde são demitidos pelo governo Orlando Morando

Mais Agentes Comunitários de Saúde são demitidos pelo governo Orlando Morando

0
0
541

Agentes Comunitários de Saúde (ACSs) estão sendo demitidos sem a menor explicação pela Prefeitura de São Bernardo. Nesta quarta-feira (22), mais 5 agentes que trabalhavam diretamente com a Saúde da Família na Unidade Básica de Saúde (UBS) do Rudge Ramos foram mandados embora. Esses trabalhadores se somam aos 103 agentes dispensando pelo prefeito Orlando Morando no mês de outubro.

Com essas demissões na saúde, quem está sendo prejudicada é a população da cidade, uma vez que os agentes têm um papel importante atuando na promoção e na prevenção da saúde.

Minalda Berbel, que trabalhava na UBS Demarchi, e que foi demitida depois de seis anos atuando como Agente de Saúde, ressaltou que o desmantelo na área é geral. “O que está acontecendo em São Bernardo é o mesmo que acorre em São Paulo e no Brasil. A saúde está sendo totalmente sucateada. Isso tudo é muito triste, pois a população da periferia é a mais prejudicada”, disse.

Profissionais respeitados, eles são de extrema importância no dia a dia e no acompanhamento diário de moradores complementando o trabalho das Unidades Básicas de Saúde.

Muitos destes profissionais visitam diariamente moradores e são responsáveis pelo agendamento de consultas, retornos médicos e verificação de vacinas, por exemplo.

UBSs como a do Jardim Silvina, Jardim Ipê, Vila União, Areião, Montanhão, Pauliceia, Jardim do Lago e São Pedro estão entre as mais afetadas pelas demissões dos ACSs.

Carregar artigos semelhantes
Carregar mais em São Bernardo do Campo

Deixe uma resposta

Veja também

Mauá vai aumentar em 20% arrecadação com o IPTU em 2018

Os vereadores de Mauá aprovaram correção do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) pa…