Início Santo André Estudantes ocupam da Fundação Santo André contra aumento de mensalidades

Estudantes ocupam da Fundação Santo André contra aumento de mensalidades

0
0
314

Alunos dos cursos de Humanas da Fundação Santo André ocuparam na noite de quinta-feira (9) o prédio da Fafil (Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras). Os motivos da mobilização são o aumento de 6,5% da mensalidade do próximo ano, proibição de rematrícula de alunos inadimplentes e pagamento de salários atrasados de funcionários e professores.

Cerca de 40 pessoas passaram a noite dentro do prédio e as aulas desde então estão suspensa. Na manhã de sexta-feira (10), uma comissão de estudantes foi chamada pela reitoria para uma conversa que durou mais de três horas. No entanto, não houve acordo.

“Este aumento de mensalidade é incompatível com as necessidades dos estudantes. Justamente porque não se vê qualquer melhoria na infraestrutura dos prédios, na contratação de professores ou na implementação de qualquer tecnologia para melhorar o ensino. Ao contrário, não sabemos para onde vai este dinheiro. A luta contra o aumento precisa também ser uma luta pela redução radical das mensalidades, a anistia da dívida e a garantia de rematrícula de todos os inadimplentes”, disse Rafael Magrão, estudante do 3º ano de Geografia.

O prédio ocupado será palco do segundo dia de provas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) neste domingo. Caso não haja acordo entre estudantes e a faculdade, candidatos que farão a avaliação no edifício poderão ser prejudicados.

Os universitários garantiram que a intenção não é prejudicar os estudantes que farão o exame. Por isso, eles realizam assembleia ainda esta noite para decidirem se vão desocupar ou não o local.

 

Carregar artigos semelhantes
Carregar mais em Santo André

Deixe uma resposta

Veja também

Natal solidário: compre presentes produzidos por seu vizinho

A um pouco mais de um mês do Natal, muita gente deve estar pensando no que dar para filhos…